Onde Comer Bem em Belo Horizonte?

capa blog

Olá gente, tudo certo com vocês?

Hoje trago um assunto bem legal para vocês que são ou vão para Belo Horizonte. O local fica no centro da cidade dentro de um hotel, no último andar do prédio. Imagina como é a vista de lá, espetacular!

Bem, o restaurante que estou falando é o Varandão, que fica no 25° andar do prédio do Hotel Othon.

IMG_20160104_152000755_HDR

IMG-20160105-WA0005

O local é bem bonito, com janelas grandes para se admirar a vista, e tem uma parte não coberta também. Tem garçons atenciosos, e é um ambiente muito gostoso, dá pra conversar bastante. Dica? Quando for reservar (pode ser pelo telefone) peça um lugar perto da janela, eu fiz e deu super certo.

A visão da janela do restaurante

A visão da janela do restaurante: dá para ver a cidade inteira literalmente

Os pratos não são tãoooo variados assim, tudo é um tanto “chique” e pra quem não gosta muito dessas coisas, não vale a pena. O preço é no mínimo de R$ 45,00.

Antes dos pratos principais vem uma entrada: torradinhas com manteiga (adorooo)

torradas pro log

Eu pedi um prato que podia escolher uma carne (frango, alguma de porco, ou salmão) e dois acompanhamentos. Pedi Salmão com risoto de tomate seco com rúcula e legumes ao azeite (veio cozido e o azeite a parte)

Eu AMEIIIII meu prato, estava muito gostoso. Os legumes estavam ao ponto, o risoto não estava empapado e o sabor, uma delícia. Pelo prato paguei R$57,00. O suco eu pedi de limão suíço e foi R$ 7,00.

IMG_20160104_145457600_HDR

Então, só tem uma coisa que não foi legal no restaurante: a batata frita. Nós pedimos também um prato de arroz branco, frango grelhado e batata frita por R$45,00 (essa combinação não ajudou, é um prato bem comum e o preço é muito caro pra isso, na minha opinião, vale mais a pena escolher outras coisas). A batata frita estava bem oleosa, parecia que o chef não sabia fazer isso. Como disse a dona do prato “A batata do Mc Donalds é melhor”, já deu pra entender né? Ela pediu um suco de manga também.

IMG-20160105-WA0008

Minha gente, no final dessa aventura paguei ao total no nosso almoço em torno de R$ 120,00. É caro sim, mas a experiência foi muitoo boa para mim!

IMG-20160105-WA0003blog

Para quem vai pra Belo Horizonte, fiz um vídeo de pontos turísticos da cidade, se quiser conferir, tem bastante coisa bonita! É só clicar na miniatura!

capa bh blog

  • Hotel Belo Horizonte Othon Palace
    Endereço: Av. Afonso Pena, 1050 – Centro, Belo Horizonte – MG (25° andar)
    Telefone: (31) 2126-0000

E você tem algum lugar para me indicar? Me diga nos comentários! Todas as dicas de restaurantes estão no menu “gastronomia” do blog ok? Um grande beijo e até o próximoo

Pontos Turísticos de Belo Horizonte: Onde Passear?

capa bh blog

Hoje trago um vídeo com os pontos turísticos da cidade de Belo Horizonte, onde estive por uma semana de viagem. Esse post de viagem ainda tem continuação: farei um post de onde comer (já fiz, confira no fim do post), fazer compras e etc. Então fiquem ligados!!

Veja algumas fotos dos locais:

_MG_3702

_MG_3740

IMG_3793

IMG_3880

IMG_3784

Para você que vai para BH e quer um lugar com vista bonita e gastronomia de qualidade, tem um post que fiz contando detalhadamente da minha experiência! Se tiver interesse, é só clicar na miniatura a baixo:

capa blog

Bora ver o vídeo?

Endereços:

  • Parque Ecológico de Pampulha
    Av. Otacílio Negrão de Lima, 7.111– Pampulha – BH/MG
  • Jardim Japonês
    Avenida Otacílio Negrão de Lima, nº 8.000, Pampulha
  • Lagoa da Pampulha
    Endereço: Avenida Otacílio Negrão de Lima
  • Praça da Liberdade
    Praça da Liberdade, s/n – Savassi, Belo Horizonte – MG
  • Aquário da Bacia de São Francisco
    Avenida Otacílio Negrão de Lima, 8000 – Pampulha
  • Mirante das Mangabeiras
    R. Pedro José Pardo, 1000 – Mangabeiras, Belo Horizonte – MG

 

Onde NÃO se hospedar em Paranapiacaba!

_MG_3052

Olá Pessoal! Hoje venho contar uma experiência terrível que tive ao me hospedar na pousada Os Memorialistas em Paranapiacaba. Eu não gosto de falar de coisas ruins, mas tenho que ser sincera, e alertar as pessoas para que não se hospedem num local ruim que destrua a viagem e as lembranças de um passeio.

A pousada Os Memorialistas não teve problemas na reserva que foi feita por e-mail. O e-mail dizia os preços  das diárias, os cafés da manhã, almoço, kit romântico e etc. O site deles é bem simples, sem muitas fotos das acomodações nem da pousada por fora.

Nós chegamos num dia de semana pela manhã (no e-mail dizia que o check-in era 9h) às 9h para podermos aproveitar melhor o dia, pois ficaríamos apenas uma noite. Quando chegamos, a casa era bem mofada, não tinha sinalização de que era uma pousada, pensamos que era uma casa abandonada e só descobrimos por conta do endereço. Então começamos a procurar a entrada. Cadê? A pousada Os Memorialistas não tem uma sala de recepção, e ninguém estava lá para nos atender. Nós, hóspedes, tivemos que bater em várias portas como se fôssemos pedintes para achar alguém, pois estávamos com mochilas pesadas e queríamos entrar. Depois de bater em várias portas, achamos uma mulher que era a empregada doméstica dos donos da pousada, e ela nos deu a chave, sem o menor cuidado (ela não deveria fazer isso, ela cuida da casa e não da pousada). Ela nos mostrou onde era o quarto e saiu, sem falar nem onde era o banheiro!!! Tentamos esquecer esse acontecimento para não perder o desânimo, ficamos no quarto por um tempo. O quarto não era ruim tinha uma cama boa, uma Tv grande, roupões, toalhas e chinelos.

_MG_3009

A tarde, em torno de 15h resolvemos sair pra almoçar, porém o bairro estava praticamente todo fechado. De semana, devido a falta de procura, nada abre. Nós não somos de Paranapiacaba, nem nunca fomos visitar esse bairro. Ninguém nos avisou sobre isso! A pousada deveria nos ter avisado. Mas, o que esperar de um local que nem recepção tem? Essa informação foi obtida por uma atendente de um restaurante que já estava fechado. Existiam duas opções: O Bar da Onça e a Padaria. Nós optamos pela padaria, e gente, não sei se foi uma boa idéia, pois apesar dos lanches serem OK, era um entra e sai de cachorros que vocês não fazem idéia. Nós, muitas vezes, tivemos que proteger a batata frita porque senão os cachorros comiam!! Um absurdo! Mas, não morremos de fome, e isso foi muito importante, vocês já vão entender.

Depois do lanche, voltamos para a pousada, e de lá ligamos para a própria pousada (pelo celular, pois eles não disponibilzam telefone no quarto) para saber que horas o jantar seria servido (pois a pousada tinha um restaurante). Nós falamos com o dono e ele disse que nós tínhamos que ter reservado o jantar antes, pois com a falta de procura durante a semana, eles não abrem o restaurante. O problema é que eles não tinham nos avisado, chequei todos os e-mails, site, quadrinho dentro do quarto e em nada, NADA estava escrito que o jantar deveria ser reservado nos dias de semana. Isso quem sabe são apenas os moradores do bairro, e que eu saiba, eles não são turistas. NÓS SOMOS. Lógico que disse ao dono do Os Memorialistas a mesma coisa que disse a vocês, e ele disse que veria a possibilidade da esposa dele (a dona Zélia) poderia abrir o restaurante e cozinhar pra nós. Mas, como não tinha certeza, ele nos LIGARIA PARA CONFIRMAR.

Retirado de Pinterest

Retirado de Pinterest

Esperamos a noite inteira, e ninguém nos ligou ou bateu na nossa porta. Passamos a noite sem nada, pois ficamos esperando a resposta e então ficou tarde e não deu mais pra jantar.

Na manhã seguinte, o café da manhã foi servido (isso já estava incluído na diária), e nós encontramos a dona Zélia que explicou que na noite anterior, ela ficou esperando nós descermos ao restaurante. Porém, o marido dela disse que confirmaria isso, e ninguém bateu na nossa porta, ou ligou dizendo “hellô? vocês não vão jantar?” ou qualquer coisa, por exemplo “como vocês estão? Estão bem a vontade?” QUALQUER coisa que manifeste atenção e cuidado com os seus hóspedes, mas eles não estão nem aí. E então sabe o que o dono do Os Memorialistas disse? Que simplesmente esqueceu de nos retornar. Esqueceu, e nós passamos uma noite de viagem com fome.

036f05_4ad7e664bcb845dfb874d9a154089f9c

E essa foi a minha experiência na Hospedaria Os Memorialistas. Nós fomos num dia de semana em julho/15, pagamos a diária de R$200,00 o que não compensou de jeito nenhum. Fomos extremamente mal atendidos, e eu fortemente não recomendo a se hospedar nesta pousada. Fica a dica!!

Dicas para viajar para Visconde de Mauá

capa visconde de maua

Hoje o post tem um assunto diferente, com intuito de ajudar as pessoas que querem viajar para Visconde de Mauá, Maringá ou Maromba. Na verdade, a região é constituída de três vilas (essas que citei), mas a mais conhecida é Visconde de Mauá. Ou seja, as pessoas muitas vezes falam que vão pra uma vila e ficam em outra. Se você for de carro, ou alugar algum tipo de meio de transporte, dá pra fazer um tour mais completo, com as três vilas, pois ficam bem pertinho uma da outra e cada uma tem algo de especial. É um ponto entre SP, MG e RJ.

_MG_2381

As vilas são conhecidas pela tranquilidade. Muito contato com a natureza! Há muitos campings, onde você pode levar e montar suas barracas, há cabanas de madeiras, chalés e pousadas.

Uma das maiores atrações são as cachoeiras e trilhas, localize as que estão mais perto

Retirado da Uol

Retirado da Uol

como chegar

Bom, se você for de carro o site oficial de Visconde de Mauá explica direitinho e o link está aqui

Agora, de ônibus ninguém fala né? E aí como faz com os mochileiros? Lembrando que estou falando para pessoas que vão sair de SP, ok?

Você vai pegar dois ônibus: um de viagem para Resende e de lá, um ônibus de linha para Maromba (esse ônibus passa nas três vilas)

SP para Resende

Preço médio: R$ 53,00 a 59,00.

Os ônibus que vão para Resende saem dos respectivos terminais:

  • Tietê
  • São Caetano do Sul
  • São Bernardo do Campo
  • Santo André

Eu peguei o ônibus de São Caetano do Sul, e voltei pelo Tietê porque há mais opção de horários!

Obs: Utilizei a agência Cometa e demorou cerca de 5 horas para chegar em Resende. Cuidado, pois o letreiro não vem escrito Resende e sim Volta Redonda. Ou seja, não é o ponto final, não durma demais!!!

Não teve atrasos, nem complicações, foi uma viagem bem tranquila!

Resende para Visconde de Mauá/Maringá/Maromba

Preço: R$ 7,70/ Duração: 1h30

Chegando em Resende, você vai descer no Terminal Rodoviário Graal. No terminal, procure uma escada que desce para um estacionamento. Você verá um barzinho e já mais pra frente um toldo com um monte de gente esperando. Lá é o ponto! O ônibus é da linha Resendense chamado Maromba. Esse ônibus não tem muitos horários (três horários no fim de semana). Recebi uma tabela dos horários ao mandar um e-mail para a empresa, confira e planeje bem para que não fique plantado no terminal sem fazer nada!

resende maromba

O ônibus vai subir e descer a montanha, vai correr em muitas curvas. Uma dica? Enjoados de plantão, tomem seus remedinhos!

Após atravessar a mata, ele vai passar primeiro em Visconde de Mauá, Maringá e depois, Maromba.

E pronto! Chegou, e agora desfrute da sua viagem!

dicas

asdasd

Retirado do Pinterest

e615e8bf0894f8dc8ea69b0d22bb9e84

Retirado do Pinterest

1aec56c1da9cc33f96f3ad8e862025c5

Ilustração de Nabhan Abdullatif. Retirado de Pinterest

É isso, espero que tenham gostado da postagem, qualquer dúvida me escrevam nos comentários!

Beijos!