Dica de filme #5: Bastardos Inglórios

inglourious-basterds-2

Olá genteee como vocês estão? A dica hoje é um filme do brilhante Tarantino. Já que tá se comemorando os 20 anos de Pulp Fiction, vamos ver uma obra dele? Tem alguém que não assistiu esse filme?? Bom, se você não assistiu tá perdendo, é um filme muito engraçado. Eu adoro, é super sarcástico e vocês sabem que esse é o humor que mais aprecio 😀 O assunto é pesado, é sobre o nazismo e não tem nenhuma graça em ver pessoas morrendo, sejam elas de qualquer um dos lados. Mas, o pior é que ainda restou muito preconceito contra tudo, e se perpetua de várias formas, uma delas é pela piada. Gente, não é possível o pessoal consegue desrespeitar até os vegetarianos/vegans. Mas, enfim isso não tem nada a ver com o nazismo,o filme é muito legal!

inglourious-basterds-lost-art-7

Conta com um monte de gente famosa, mas o meu personagem favorito é o Hans Landa lóoogico, atuação maravilhosa do Christoph Waltz! E o que é a Shosanna minha gente??? Quero ser que nem ela quando crescer, que estilosaaa!!

inglourious-basterds-inglourious-basterds-18440706-1499-1000

2009. Ação/Guerra/Drama. Direção e roteiro: Quentin Tarantino

Elenco: Brad Pitt, Christoph Waltz, Michael Fassbender, Eli Roth, Diane Kruger, Daniel Brühl, Til Schweiger, Mélanie Laurent.

Premiações: Christoph Waltz ganhou como melhor ator coadjuvante os prêmios Oscar 2010, Globo de Ouro, SAG Awards, e BAFTA.

Bom Filme e beijocas!

Anúncios

Dica de filme #4: Contos Proibidos do Marquês de Sade

y9L3p2uFo00eoqYahpgBkT2mkhI

Bom, um dos meus Hobbies agora é assistir um filme de madrugada, e faz anos que tava pra ver este, e não encontrava, pois pesquisava com o nome errado. Marquês de Sade existiu de fato no século XVIII, foi um aristocrata e escritor francês. Considerado libertino, foi preso na Prisão da Bastilha, onde escreveu várias obras. O termo “sadismo” é originalmente do nome dele, pois ele afrontava a igreja e suas regras por meio da amoralidade, violência e sexo. Cheio de parafilias, é um filme no mínimo polêmico. Não é daqueles que você pega uma pipoquinha e vai assistir numa tarde de domingo com sua família, saca? Eu vi que o Bergman fez um filme também sobre o Sade e fiquei curiosa, mas já imagino que seja bem punk, vou dar um tempinho para assistir. E para vocês também né? Os filmes estão muito pesados? Prometo que a próxima dica será um filme bem mais leve, ok??

Então, o filme conta com três atores maravilhosos que interpretaram seus papéis de forma incrível. E o padre é a coisa mais fofa, não? ❤ Dois filmes em seguida do Joaquin Phoenix, até parece que eu sou a fã louca dele. Ainda não, mas to no início do processo… Eu consegui baixar o filme em rmvb com áudio original e legendado em português aqui, esse formato não é das melhores. Você consegue baixar super rápido, mas precisa do real player para assistir e a qualidade não é boa. Eu vi vários dublados, acho que tem até no youtube! Eu não quis porque não gosto de dublagem. Enfim, espero que gostem do filme, ou não, quem sabe… me contem aí e vejam o trailer! Não está legendado, desculpem! Mas, é o único oficial que eu encontrei!

2000. Direção: Philip Kaufman. Roteiro: Doug Wright

Elenco: Geoffrey Rush, Kate Winslet, Joaquin Phoenix, Michael Caine, Billie Whitelaw, Stephen Marcus, Amelia Warner, Stephen Moyer, Jane Menelaus, Ron Cook, Patrick Malahide, Elizabeth Berrington, Tony Pritchard, Edward Tudor-Pole.

Premiação: Três indicações ao Oscar nas 73 Annual Academy Awards de Melhor Ator em um papel principal (Geoffrey Rush), direção de arte (Arte: Martin Childs, Sets: Jill Quertier) e Figurinos (Jacqueline Ocidente ). O filme também foi indicado pela Hollywood Foreign Press (organizadores dos Globos de Ouro) de Melhor Ator em um Drama (Geoffrey Rush) e Melhor Roteiro (Douglas Wright). O National Board of Review selecionou The Quills como o melhor filme do ano (2000).

Bom filme para vocês! Querem ver as outras dicas que já dei no blog? Estão todas na Tag “Cinema” ok?

Beijosss

Dica de filme #3: A Pele que Habito (La Piel que Habito)

capa a pele que habito

Olá queridos, como vão?

Hoje a dica de filme é das pesadas!!!! Não posso dizer nada sobre o enredo, só dizer que é ÓTIMO e é o grande lance do filme. É um filme de suspense e drama, não aconselho para menores de idade, é muito intenso. Quando assisti fiquei até o dia seguinte chocada hahahahhaha. NÃO vá atrás da sinopse, isso vai atrapalhar seu filme, esse em especial.

Quando eu vi essa imagem acima, eu sabia que eu ía amar o filme. Eu sou assim, vejo a fotografia do filme e sinto se eu vou gostar ou não, pouquíssimas vezes errei!

Veja o trailer, sempre trago os legendados se possível! Para ver as outras dicas de filme clique aqui

2011. Direção: Pedro Almodóvar. Roteiro: Pedro Almodóvar, Agustín Almodóvar e Thierry Jonquet.

Elenco: Antonio Banderas, Elena Anaya, Marisa Paredes, Jan Cornet, Roberto Álamo, Blanca Suárez, Eduard Fernández, José Luis Gómez, Susi Sánchez e Bárbara Lennie.

Premiações: Indicado na categoria Melhor Filme Estrangeiro no Globo de Ouro 2012, premiado melhor filme estrangeiro no BAFTA 2012, ganhou o Prêmio da Juventude e foi indicado a Palma de Ouro no Festival de Cannes 2011, e ganhou como Melhor Filme Estrangeiro Saturn Award 2011.

Bom filme!! Não esqueçam de assistir com o áudio original e não aconselho para menores, ok? Não é regra, mas acho que existem coisas que só o tempo dá de amadurecimento e entendimento na vida (alô? você só tem 21 anos! Não sabe de nada, inocente!)… talvez um adolescente veja, mas não desfrute tudo o que o filme (ou qualquer coisa) tenha para dar.

Beijinhos

Dica de filme #2: Ela (Her)

tumblr_mxtn1uO7411seyhpmo1_1280

Oi pessoal, hoje venho com outra dica, e esse filme me deixou meio confusa. Eu pensei em tanta coisa… eu fui atrás do filme porque vi num canal japonês (NHK) que comentou sobre esse filme, mostrou trechos e disse que o protagonista se apaixonava por um sistema operacional inteligente. Na hora fui ver o que era. E pensei “que absurdo!” Mas, aí você vai assistindo o filme, e não fica tão absurdo assim… eu talvez não ficaria falando fora de casa, correndo, girando por aí falando “sozinha”, mas o enredo se constrói de forma que você entende o sentimento do protagonista.

Eu lembro que teve uma notícia há anos atrás de um carinha que tava trepando com o seu cachorro. E sinceramente isso foi meio estranho. E não é que ele tava pegando o cachorro não, o cachorro que tava pegando ele. Aí linkei as coisas com esse filme. Que podemos criar laços afetivos com qualquer coisa. Não estou dizendo laços sexuais kkkk. Temos afetos com animais, sendo que nós não entendemos de verdade o que eles dizem, temos ciúme de certos objetos nossos, criamos relações platônicas com pessoas distantes que nem conhecemos, ou até de personagens. O sentimento existe, e sinceramente, o filme chocou pelo fato de não ter um corpo representando o sistema. O tempo não é o mesmo, não existe massa, não existe nada palpável. Sei lá, lógico que não é a mesma coisa comparar o sexo entre o sistema operacional com um ser humano, e um ser humano que faz uma “homenagem” a um(a) ídolo, mas fisicamente é igual. É só a pessoa ali, com seus estímulos, sua imaginação. Amei a melhor amiga dele. Ela não julga, tá sempre lá e entende ele ❤

Obs: Não trepo com animais, com o Windows, não faço homenagens, nada disso. OK? Gosto de pessoas, seres humanos, bem humanos por sinal. Só pra deixar claro!! Hahahahahaha

Her-716403893-large

2013. Direção/Roteiro: Spike Jonze.

Elenco: Joaquin Phoenix, Amy Adams, Rooney Mara , Olivia Wilde , Scarlett Johansson (voz), Chris Pratt, Matt Letscher, Sam Jaeger, Luka Jones, Kristen Wiig, Bill Hader , Spike Jonze, Portia Doubleday, Soko e Brian Cox.

Premiações: Venceu como melhor roteiro no Oscar 2014, Golden Glonbe Awards 2014 e Critics’ Choice Movies Awards 2014.

Trailer:

 

Espero que tenham curtido a dica de hoje, e bom filme 😀

Beijinhoss!

Dica de Filme #1 – O Discurso do Rei (The King’s Speech)

capa 1

Oláaaaa, como vocês estão pessoas lindas 😀

Trago uma dica de um filme MTO BOM, eu ameiiii demais o filme! O Colin Firth arrasou no seu papel, o roteirista foi incrível, eu amei como as coisas foram se progredindo e que cenário fantástico!! É engraçado, mas eu gosto bastante de um cenário decadente. Esse filme tem bastante humor, é irônico também. Como eu disse aqui eu não gosto de sinopses, pois elas nos enganam, e nos passa uma idéia muito superficial da obra, fazendo com que não se dê o devido valor, e talvez faça você não assistir! Eu não sei da onde que eles tiraram a idéia de fazer sinopse. Na TV só aparece o trailer e nada mais e ninguém sente falta. Como escrever em um texto a beleza de um filme? No way, minha gente. Então, eu vou postar sempre a capa do filme, o trailer, e informações de elenco. Ok?

kingsspeechposter02

2010. 118min. Diretor: Tom Hooper. Roteiro: David Seidler

Elenco: Colin Firth, Geoffrey Rush, Helena Bonham Carter, Guy Pearce, Timothy Spall, Derek Jacobi, Jennifer Ehle, Michael Gambon.

Obs: O Discurso do Rei ganhou sete prêmios BAFTA e quatro Oscars, sendo eles melhor filme, melhor diretor para Tom Hooper, melhor ator para Colin Firth como Jorge VI e melhor roteiro original.

Olha o cenário que lindão ❤

the-kings-speech-19

Cena do filme

Vocês não se arrependerão. Assistam, porque esse filme vale a pena!!

Essa série de dicas de filme, estou iniciando com esse post, mas já tem uma listinha pra postar pra vocês!! Tem muitooo filme bom pra vir ainda! Se divirtam, porque esse é bão demais da conta 😀

E nunca se esqueçam: se possível, vejam sempre com o áudio original. As dublagens mal feitas estragam absolutamente TUDO!

Beijinhos da Ariã :*

Especial Dia dos Namorados: Dica de três filmes sobre Amor

collage

Outro post especial para o dia dos namorados. Eu mesma não namoro. Mas, fica a sugestão para os pombinhos, e para os livres de plantão também, pois um bom cinéfilo não precisa de companhia pra assistir um filme. E principalmente, esses que eu estou recomendando são excelentes! Não são aqueles filmes mela-mela sem sentido, iguais a todos. Esses, pra mim, representam bastante o quão forte é o sentimento Amor.

Não acredito em sinopses. Vários já me enganaram, eu não dei a menor bola, e quando eu assisti, fiquei pasma com a beleza do filme. Então eu recomendo assistir os trailers, ver a capa do filme (fotografia), pesquisar sobre o diretor, a atriz/ator e etc. Não me considero cinéfila (isso seria muito injusto para os que são), mas eu gosto de filme bom. Isso pra mim quer dizer um trabalho que nos passe um conteúdo, um sentimento, que seja bem feito, com a fotografia bonita, trilha sonora bem escolhida. Odeio filmes que foram feitas como se fosse entretenimento. Isso é como se fosse compor uma música para propaganda (há excessões. tem propaganda boa), uma coisa comercial. Filme é arte, e então, não há sentido se você não passar nada com ele. Vocês não precisam concordar comigo, mas é essa minha opinião, e por isso, nunca no blog terá alguma sugestão de filmes, músicas, artes em geral que eu realmente não goste (ou seja, precisam passar por todos esses requisitos citados acima). Óbvio que esse post é um pouco mais romântico, porque é o dia dos pombinhos, mas mesmo assim há filmes românticos bons. Certo? Então, não há sinopse nenhuma. Eu vou postar a capa, o trailer, e as informações do elenco. Não está em ordem de preferência!

1. Sentidos do amor (Perfect Sense)

Imagem

Drama. Ano: 2011. Direção: David Mackenzie. Roteiro: Kim Fupz Aakerson

Elenco: Eva Green, Ewan McGregor, Ewen Bremner, Stephen Dillane, Connie Nielsen, Denis Lawson.

2.  O curioso caso de Benjamin Button

button

Drama/Romance/Fantasia. Direção: David Fincher. Roteiro: Eric Roth

Elenco: Brad Pitt, Cate Blanchett, Taraji P. Henson, Julia Ormond, Jason Flemyng, Jared Harris, Tilda Swinton.

Curiosidade: A doença existe, claro que o filme exagerou um pouco e interpretou os sintomas de forma drástica, mas a pessoa envelhece cerca de 7x mais rápido e se chama Síndrome de Huntchinson-Gilford.

3. Uma Lição de Amor (I am Sam)

Gente, esse amor não é de namorados. Mas, é incrível. Assistam!

23p94585022

Drama. Direção: Jessie Nelson. Roteiro: Kristine Johnson e Jennie Nelson.

Elenco: Sean Penn, Michelle Pfeiffer,Dakota Fanning, Dianne Wiest, Loretta Devine, Richard Schiff, Laura Dern.

Se vocês forem assistir, recomendo que seja com áudio original e legenda! Tem muita dublagem mal feita, e estraga todo o filme.

Vou postar mais filmes depois, fiquem no aguardo!

Beijos da Ariã 😀